Do Mega Curioso: 6 pessoas que não tiveram um ensino regular, mas se deram muito bem

Para conhecer o site Mega Curioso, clique aqui.

 

Conheça as personalidades que venceram na vida e se destacaram na História mesmo tendo um tempo de escolaridade reduzido

 

Para muitos, ainda existe uma percepção de que as pessoas que não têm uma escolaridade de alta qualidade ou regular não conseguem vencer na vida. No Brasil mesmo, temos muitos casos que provam o contrário e podemos sim encontrar diversos empresários, intelectuais e profissionais reconhecidos que tiveram os seus estudos limitados.

É óbvio que a educação é o bem mais importante que um país pode proporcionar a uma criança, sendo essencial para a boa formação do ser humano. Mas existem casos de personalidades famosas no mundo inteiro que não tiveram estudos regulares e, mesmo assim, conseguiram alcançar feitos incríveis. Quer saber quem são algumas delas? Confira abaixo.

6 – Steve Jobs – Cofundador da Apple

Fonte da imagem: Reprodução/List Verse

É fácil se lembrar de alguns gênios atuais que nem chegaram a terminar os seus estudos de ensino superior. Bill Gates e Mark Zuckerberg são alguns deles. Mas talvez a mente tecnológica mais influente dos últimos tempos e que passou pouco tempo na sala de aula tenha sido Steve Jobs, o cofundador da Apple.

Jobs cursou a faculdade por apenas seis meses e, depois disso, passou um tempo em uma comunidade hippie no estado de Oregon. Apenas meses depois, Steve voltou para a Califórnia e arranjou um emprego na Atari. Vale lembrar que o compromisso de mandar Jobs para a faculdade foi uma condição imposta pela mãe biológica dele para que os seus pais adotivos pudessem adotá-lo.

5 – Henry Ford – Industrial e empreendedor

Fonte da imagem: Reprodução/List Verse

Fundador da Ford Motor Company e o primeiro empresário a aplicar a montagem de automóveis em série, Henry Ford teve uma educação formal bastante limitada.

Ele nasceu em uma fazenda perto de Detroit, onde trabalhava com o pai, que acreditava que o seu filho faria o mesmo serviço que ele. Lá, ele já fazia reparos em máquinas e gostava de observar o funcionamento mecânico delas.

Só que, em vez de ficar no campo, Ford saiu de casa aos dezessete anos de idade e tornou-se um aprendiz em operador de máquinas em Detroit, uma carreira que o levou a outro nível em seu caminho para se tornar um empresário rico e bem-sucedido.

Apesar de não ter tido quase nenhum ensino formal, Ford criou a linha de montagem mecanizada e não demorou muito para as pessoas reconhecerem o seu talento e ele se tornar um ícone pelo seu trabalho.

4 – William Shakespeare – Poeta e dramaturgo

Fonte da imagem: Reprodução/List Verse

Um dos nomes mais famosos da história literária, William Shakespeare produziu algumas das fábulas mais românticas que o mundo já conheceu, de Romeu e Julieta a Macbeth.

Entretanto, não é muito bem conhecida a sua própria história. De fato, não existem quaisquer registros que sugerem que ele recebeu alguma educação formal quando jovem. Estudiosos acreditam que ele pode ter frequentado uma escola (King’s New School), mas eles também supõem — com base em alguns de seus escritos — que ele não frequentou as aulas após a idade de treze anos.

3 – Winston Churchill – Estadista e líder de guerra

Fonte da imagem: Reprodução/List Verse

Winston Churchill, uma das figuras políticas mais importantes do século XX, nasceu na aristocracia. Isso não é nenhuma surpresa para explicar como ele subiu na hierarquia para levar o Reino Unido à vitória durante a Segunda Guerra Mundial.

No entanto, o surpreendente é que ele conseguiu isso com uma educação limitada. Churchill nasceu em uma família de posses e teve acesso à melhor educação disponível, mas isso não significa que ele aproveitou essas oportunidades. Eleenfrentou dificuldades na escola e se dava muito mal nas provas. O serviço militar também foi prejudicado por seu mau desempenho. Mesmo assim, se tornou uma figura importante na História mundial.

2 – Abraham Lincoln – Presidente dos EUA

Fonte da imagem: Reprodução/List Verse

Talvez o presidente mais popular dos EUA na História, Abraham Lincoln foi o homem ideal para liderar os Estados Unidos a partir de 1861. Ele guiou a nação através daquele que talvez tenha sido um dos momentos mais preocupantes.

Mas esse homem, que fez o discurso de Gettysburg e efetivamente pôs fim à escravidão nos EUA não teve um ensino regular em sua vida. Na verdade, ele foi um autodidata e tinha até uma reputação não muito honrosa de preguiçoso. Mas isso não impediu de, mais tarde, ser um leitor assíduo e realizar seus feitos na carreira política a partir dos vinte e poucos anos.

1 – Albert Einstein – Físico

O jovem EinsteinFonte da imagem: Reprodução/List Verse

O homem por trás da equação mais famosa do mundo (E = mc²), da teoria da relatividade e de um prêmio Nobel foi, de fato, uma autêntica “criança problema” no colégio. Seus professores do ensino fundamental achavam que ele era um sonhador, sendo que um dos mestres até lhe pediu para desistir de suas aulas.

Apesar de amar ciências e matemática, ele não gostava da escola e, finalmente, abandonou-a. Sem um diploma do ensino médio, ele teve de fazer exames especiais para entrar na faculdade, sendo que falhou na primeira tentativa, mas depois conseguiu com muito esforço. E o resto é a história do gênio que o mundo todo conhece.

Fonte List Verse

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s