ABC da Greve e Cabra Marcado Para Morrer: Duas faces da mesma moeda

FAZENDO HISTORIA

Há dois documentários, ABC da greve de Léon Hirszmane Cabra Marcado Para Morrer de Eduardo Coutinho, que fazem parte daquilo que se pode chamar de documentário sócio-político, e tratam de um período marcado por grandes lutas – a ditadura militar no Brasil. O primeiro retrata as grandes greves de 1978 da classe operária no ABC paulista e o segundo, das Ligas Camponesas no nordeste em confronto com o latifúndio.

Mostram de maneiras diferentes o contexto daqueles anos, mas em ambos vemos o regime a partir dos movimentos organizados contra a exploração capitalista, seja nas cidades da região mais industrializada do país, seja no campo, numa das regiões mais pobres – o nordeste, e neste sentido, os dois documentários se completam.

Tanto um quanto outro dão ênfase direta ou indireta às lideranças dos movimentos, de um lado Lula, o então presidente do sindicato dos Metalúrgicos do ABC/SP e de outro João Pedro…

Ver o post original 1.020 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s