A história contada em filmes

Há diversos filmes, muitos deles brasileiros, que se passam durante os governos de Getúlio e que podem nos auxiliar bastante a visualizar como era o cenário da época. Alguns sobre Vargas, outros sobre figuras da época, todos estes 20 filmes citados abaixo se passam entre os anos de 1930 e 1954.

01 – Revolução de 30
Resultado de imagem para revoluçao de 1930 filmeDocumentário que reúne mais de trinta documentários e filmes de ficção, fotografias e registros sonoros mostrando os momentos que antecederam o conflito, seu desenrolar e consequências. Seu fio condutor é o documentário “Pátria Redimida”, realizado na época por João Batista Groff com cenas filmadas em zonas de combate: Itararé, Ribeira e Catinguá. Inclui comentários críticos de Boris Fausto, Edgar Carone e Paulo Sérgio Pinheiro. A trilha sonora traz antigas gravações de discursos e músicas do período, algumas compostas especialmente para celebrar a revolução: hinos a João Pessoa, a Miguel Costa e Juarez Távora.

 

02 – O velho, a história de Luiz Carlos Prestes
Resultado de imagem para O velho, a história de Luiz Carlos PrestesDocumentário sobre a vida e a militância do líder comunista brasileiro desde a sua educação militar, passando pelo tenentismo, formação da Coluna, governo Vargas, ditadura militar, exílio, abertura política e seu retorno com a anistia chegando à participação, já idoso, nas manifestações operárias dos anos 1980. Dois vídeos históricos abrem o documentário: um de 1989 sobre a queda do Muro de Berlim e outro de 1917 sobre a Revolução Russa. A trajetória de Prestes é feita por meio de fotos e filmes de época, depoimentos dos filhos, descendentes de líderes tenentistas, políticos e do próprio Prestes (tomado em novembro de 1985).  A narração de Paulo José faz a conexão do rico acervo documental apresentado pelo documentário. Direção de Toni Venturi. Brasil, 1997

 

03 – Adágio ao Sol
Resultado de imagem para adágio ao solNo início dos anos 1930, numa fazenda de café no interior de São Paulo, Júlio (Cláudio Marzo), Angélica (Rossana Ghessa) e Álvaro (Marcelo Moraes) vivem um intenso triângulo amoroso, tendo como pano de fundo a crise do café, a tomada do poder por Getúlio Vargas e a revolução constitucionalista de 1932 na qual Álvaro se alista. Uma curiosidade: para as cenas de multidão, nos momentos pré-revolucionários, o diretor teve o apoio da população da cidade de Casa Branca, SP que foi devidamente caracterizada conforme a moda da época. Direção de Xavier de Oliveira. Brasil, 2000.

 

04 – Soldado de Deus.
Resultado de imagem para soldado de deus filmeDocumentário sobre o Integralismo e seu principal mentor, Plínio Salgado que mobilizou cerca de 1 milhão de pessoas e teve 500 mil filiados, constituindo o primeiro partido de massas do Brasil. Traz o testemunho daqueles que ajudaram a sua formação e, ocasionalmente, deixaram de defender seus princípios e práticas bem como daqueles que sempre o criticaram, além de pesquisadores entre eles Anita Prestes, Gerardo Melo Mourão, Antônio Carlos Vilaça, Leandro Konder, Muniz Sodré entre outros pensadores e pesquisadores. Narração de Nelson Xavier. Direção de Sérgio Sanz. Brasil, 2004.

 

05 – Memórias do Cárcere
Resultado de imagem para memórias do carcere nelson pereiraReconstitui os dez meses, entre 1936 e 1937, em que o escritor Graciliano Ramos (Carlos Vereza) ficou preso na Ilha Grande, RJ, acusado de participação na Intentona Comunista. Inicialmente, a prisão lhe parece um intervalo para se libertar da vida enfadonha com a mulher, o emprego público e o provincianismo de sua cidade, Maceió, onde era diretor da Instrução Pública de Alagoas. A crueldade do que vê na prisão é suportada pela dedicação à literatura, enquanto sua esposa (Glória Pires) e um advogado procuram meios para libertá-lo. Os prisioneiros o tratam com carinho pois querem “sair no livro” que, no entanto, só será publicado em 1953, após sua morte, com o nome “Memórias do Cárcere”. Consagrado no Festival de Cannes de 1984, o filme foi realizado com um elenco de 120 atores e 2.000 figurantes Direção de Nelson Pereira dos Santos. Brasil, 1984.

 

06 – Aleluia, Gretchen
Resultado de imagem para aleluia, gretchenFicção que conta a história de uma família de imigrantes alemães que, em 1937, por perseguição ao pai, o professor Ross (Sérgio Hingst) foge do nazismo e vem radicar-se numa cidade no interior do Paraná onde compram um hotel. Quando começa a guerra, a mãe, Frau Kranz (Míriam Pires), que continua admiradora do nazismo, permite que o filho volte à Alemanha para lutar na guerra.  Membros da família envolvem-se com o integralismo e com os espiões da 5ª coluna. Na década de 1950 são visitados por ex-oficiais da SS nazista em trânsito para a Argentina e a intromissão faz reviver episódios aparentemente sepultados com o fim da guerra.

 

07 – Olga
Resultado de imagem para olga filmeA trajetória de Olga Benário (Camila Morgado) e Luís Carlos Prestes (Caco Ciocler) na época da ditadura de Getúlio Vargas (Osmar Prado) até a prisão de ambos ordenada por Filinto Müller (Floriano Peixoto), acusados de organizar a Intentona Comunista de 1935. Por sua origem alemã e judia, Olga é deportada para a Alemanha onde morre na câmara de gás no campo de concentração de Ravensbrück, deixando sua filha recém-nascida Anita Leocádia. Direção de Jaime Monjardim. Brasil, 2004.

 

08 – O mundo em que Getúlio viveu
Resultado de imagem para o mundo em que getulio viveu filmeDocumentário sobre a vida e a época de Getúlio Vargas com narração de Armando Bogus. Rememora o início do século XX, a belle époque, os voos experimentais de Santos Dumont, a I Guerra Mundial, a ascensão do fascismo e nazismo, a II Guerra Mundial, a revolução espanhola, o peronismo na Argentina em paralelo à trajetória e carreira de Vargas até o suicídio. Direção de Jorge Ileli. Brasil, 1963.

 

 

09 – Getúlio Vargas
Documentário que mostra os fatos que marcaram a vida e carreira de Vargas, o cotidiano da época e o suicídio que gerou controvérsias e uma gigantesca comoção social. Com narração de Paulo César Pereio, o documentário utiliza cinejornais produzidos pelo DIP e pela Agência Nacional, fotos de época, discos, discursos de Vargas e textos de literatura de cordel. Direção de Ana Carolina Teixeira Soares. Brasil, 1974.

 

10 – Getúlio
Resultado de imagem para o mundo em que getulio viveu filmeDrama biográfico que percorre a intimidade de Getúlio Vargas (Tony Ramos), então presidente do Brasil, em seus 19 últimos dias de vida, em agosto de 1954. Isolado no Palácio do Catete com a mulher Darcy Vargas (Clarice Abujamra) e a filha Alzira Vargas (Drica Moraes), ele sofre as pressões políticas decorrentes da acusação de que teria ordenado Gregório Fortunato (Thiago Justino) assassinar o jornalista Carlos Lacerda (Alexandre Borges).  O filme foi inteiramente rodado no interior do Palácio do Catete, RJ, sede da Presidência na época, atual Museu da República. Direção de João Jardim. Brasil, 2014.

 

11 – Lost Zweig
Resultado de imagem para lost zweigRevive a vida, em Petrópolis, RJ, do escritor austríaco Stefan Zweig (Rüdiger Vogler) autor do célebre livro “Brasil, país do futuro”, e de sua jovem esposa Lotte (Ruth Rieser) que, num pacto até hoje cercado de mistério, decidem suicidar-se na semana seguinte ao carnaval de 1942. O filme, inteiramente falado em inglês, é baseado na obra “Morte no paraíso, a tragédia de Stefan Zweig”, de Alberto Dines. Direção de Sylvio Back. Brasil, 2003.

 

 

12 – Villa Lobos, uma vida de paixão
Resultado de imagem para o mundo em que getulio viveu filmeRelata a vida de Heitor Villa-Lobos (Marcos Palmeira e Antônio Fagundes), o mais importante compositor do Brasil e reconhecido internacionalmente.  A história inicia com Villa-Lobos já velho com sua esposa Arminda (Mindinha, interpretada por Letícia Spiller), saindo para um concerto no Teatro Municipal onde seria homenageado. Durante o concerto são evocadas lembranças de sua vida desde a infância, passando por sua participação na Semana de Arte Moderna até a criação de um amplo projeto educacional, chamado “música e criança”, aprovado pelo presidente Getúlio Vargas (Carlos Ferreira) que lhe concede a regência de um concerto para grande público. Direção de Zelito Viana. Brasil, 2000.

 

13 – Rádio Auriverde, a FEB na Itália
 Resultado de imagem para radio auriverde filmeDocumentário sobre a participação da FEB na II Guerra Mundial que causou enorme crítica entre dezenas de ex-combatentes da FEB que manifestaram seu repúdio à película pelo tom debochado e irônico, considerado uma afronta à memória daqueles que tombaram no campo de batalha. Fazendo uma colagem de cinejornais da Us Army e Us Signal Corps, ambos dos EUA, e do Cine Jornal Brasileiro, produzido pelo DIP, durante o Estado Novo, o filme destaca que a FEB não passou de moeda de troca nas negociações do Brasil com os EUA para a construção da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN). Direção de Sylvio Back. Brasil, 1991.

 

14 – Senta a Pua
Resultado de imagem para senta a pua filmeDocumentário que reúne entrevistas, fotos e ilustrações para contar a história do Primeiro Grupo de Aviação de Caça do Brasil, que no dia 6 de outubro de 1944 desembarcou no porto de Livorno, na Itália para participar da Segunda Guerra Mundial. Fazia parte do grupo 466 pessoas sendo 49 pilotos e 417 homens de apoio. A saga é relatada pelos próprios pilotos reunindo 23 depoimentos, imagens de arquivo e ilustrações digitais. Direção Erik de Castro. Brasil, 1999.

 

 

 15 – For All, o trampolim da vitória
Resultado de imagem para for all o trampolim da vitóriaRomance cômico, ambientado na cidade de Natal, RN, em 1943, onde os Estados Unidos construíram a base militar de Parnamirim Field. A presença de soldados americanos altera a estabilidade das famílias locais trazendo não somente dólares e eletrodomésticos, mas também o glamour de uma cultura de Hollywood, a música das grandes bandas. Neste contexto, a história se desenrola em torno de uma família de classe média, os Sandrini, que são abalados pelas novas circunstâncias: amores inesperados, reflexos de intrigas políticas, desafios aos preconceitos e testes para a coragem. Foi feita uma reconstituição primorosa da cidade de Natal e usaram-se resquícios da base de Parnamirim Field para a locação de diversas cenas, como a sessão de cinema que abre o filme e as aulas do professor João Marreco.   Direção de Luiz Carlos Lacerda e Buza Ferraz. Brasil 1997.

 16 – Estrada 47
Resultado de imagem para o mundo em que getulio viveu filmeBaseado em fatos reais e com uma produção primorosa, o filme mostra o drama dos soldados brasileiros, em sua maioria despreparados para o combate tendo que aprender na prática a lutar pela sobrevivência na guerra. Depois de sofrerem um ataque de pânico coletivo, no sopé do Monte Castelo, os soldados Guimarães (Daniel de Oliveira), Tenente (Júlio Andrade), Piauí (Francisco Gaspar) e Laurindo (Thogum) tentam descer a montanha, mas acabam se perdendo uns do outros. Direção de Vicente Ferraz, 2013

 

 

17 – Vidas secas
Resultado de imagem para vidas secas filmeBaseado no livro homônimo de Graciliano Ramos, conta a história de uma família de retirantes composta por Fabiano (Átila Iório), Sinhá Vitória (Maria Ribeiro), os dois filhos e a cachorra Baleia. Em 1941, pressionados pela seca, eles atravessam o sertão nordestino em busca de meios para sobreviver. Chegam a um casebre abandonado nas terras do fazendeiro Miguel (Jofre Soares). A chuva volta a cair e recupera os pastos. Fabiano trabalha de vaqueiro para o fazendeiro e a família sonha em melhorar de vida. Mas, ao final do primeiro ano de muito trabalho e dificuldades, a miséria da família persista e nova seca se aproxima para assolar o sertão. Com locações feitas em Minador do Negrão e Palmeira dos Índios, no sertão de Alagoas, Vidas Secas é um filme representativo do movimento chamado de Cinema Novo, que abordava problemas sociais do Brasil. Direção de Nelson Pereira dos Santos. Brasil, 1963.

 

18 – Assim era a Atlântida
Resultado de imagem para assim era a atlantidaDocumentário sobre os filmes produzidos pela Atlântida Cinematográfica com cenas de chanchadas, paródias e policiais. As imagens são intercaladas por depoimentos de atrizes e atores que rememoram suas trajetórias na companhia. Fundada em 1941, no Rio de Janeiro, a Atlântida foi a mais bem-sucedida empresa cinematográfica do Brasil chegando a produzir um total de 66 filmes, até o término de suas atividades, em 1962.  A chanchada, o gênero mais popular que misturava musical com humor ingênuo e burlesco, lançou artistas como Grande Otelo, Oscarito, Zé Trindade, Cyl Farney, Eliana Macedo, Julie Bardot e Fada Santoro. Direção de Carlos Manga. Brasil, 1974.

 

19 – Alô amigos (Saludos amigos)
Resultado de imagem para alô amigos disneyDesenho animado criado para promover a Política de Boa Vizinhança e que reúne quatro animações representando um país sul-americano: “Lago Titicaca” (Peru), “Pedro” (Chile), “O Gaúcho Pateta” (Argentina) e “Aquarela do Brasil” (Brasil). Foi o primeiro filme a ter atores reais e personagens de animação contracenando juntos. Lançou o personagem Zé Carioca, um papagaio malandro e simpático que representava, na visão norte-americana, o Brasil e sua gente. Com músicas de Ari Barroso (Aquarela do Brasil) e de Zequinha de Abreu (Tico-tico no fubá) mostra a beleza exótica do Brasil com fauna e flora nem sempre corretas pois inclui flamingos e uma bananeira em que o cacho de bananas nasce de ponta-cabeça. Estúdios Disney. Estados Unidos, 1942.

 

20 – Você já foi à Bahia? (The three caballeros).
Resultado de imagem para você ja foi a bahiaO Pato Donald recebe uma grande caixa no dia de seu aniversário, trazendo três presentes. O primeiro traz um projetor de cinema, contendo um filme sobre aves da América do Sul. O segundo contém um livro sobre o Brasil, que o leva à Bahia ao lado de Zé Carioca. O terceiro tem uma piñata, acompanhada de Panchito, um galo vermelho mexicano. Os personagens fazem uma jornada musical da Antártica ao Brasil e depois até o México. A trilha sonora inclui músicas de Ari Barroso (Na baixa do sapateiro e Os quindins de Iaiá), Dorival Caymmi (Você já foi à Bahia?) e João de Barro (Pregões carioca) e Benedito Lacerda (Pandeiro e flauta). Estúdios Disney. Estados Unidos, 1944.

 

Fonte: http://www.ensinarhistoriajoelza.com.br/22-filmes-sobre-o-brasil-dos-anos-1930-a-1954/ – Blog: Ensinar História – Joelza Ester Domingues

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s