Pacto pela independência: cartas de um estudante mineiro

Mundo da História

Estudantes brasileiros matriculados na Europa na segunda metade do século XVIII decidiram fazer um pacto pela independência do Brasil. Além de obter apoio para o levante, jovens de vários estados brasileiros, todos matriculados na Universidade de Coimbra, em Portugal e Montpellier, na França, construíram uma aliança estratégica com os líderes da Inconfidência Mineira, entre os anos de 1785 e 1789. Muitos deles retornaram ao Brasil e se integraram ao levante de Minas Gerais. José Joaquim da Maia, que adotou o codinome de “Vandek”, um dos principais líderes do movimento, morreu antes de poder se juntar a seus companheiros no Brasil.

Vendek manteve três correspondências com Thomas Jefferson, embaixador dos EUA na França. Alguns anos antes os EUA acabara de se libertar do domínio inglês e a independência americana passou a estimular nos brasileiros o desejo de seguir seu exemplo. Os estudantes e os inconfidentes viam na independência das 13 Colônias…

Ver o post original 659 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s